Jogos de Palavras

http://3.bp.blogspot.com/-18Yu3v4zbJI/T_YF6sXm6GI/AAAAAAAABoQ/ejVZMFuu6z8/s1600/imagem+2.jpg

Myriam Valentina

Myriam Valentina

Musique


sábado, 1 de agosto de 2009



Foto: The Siren by Marciel Zielinsk

Dentro do mar inconsciente
Simulo relógios lentos
Brinco de eternidade
Nada tem duração
Posso fazer minhas confissões
Reconto lendas
Me movo entre bolhas brancas
Conto qualquer história
De qualquer um
Da lua, das rosas, do mar
Da vida e do amor

Dentro do mar inconsciente
Não evoco verdades
Tudo é, nada é
Cada página tem sua própria cor
Há prata líquida e mercúrio incolor
Nado em direção ao horizonte
O ego adormecido
Liberta os movimentos
A melodia universal
Harmonia com mil almas
Constroe palavras
O caos e turbilhão das águas
Abrem espaços entre contradições
E esquecimentos

((Myriam Valentina))





Nenhum comentário:

Seguidores