Jogos de Palavras

http://3.bp.blogspot.com/-18Yu3v4zbJI/T_YF6sXm6GI/AAAAAAAABoQ/ejVZMFuu6z8/s1600/imagem+2.jpg

Myriam Valentina

Myriam Valentina

Musique


domingo, 31 de janeiro de 2010




Sofro a fadiga das viagens
Vejo a linha do horizonte
Navego em meus sonhos à espera
Deitada na praia, ouço a melodia do mar

Sofro a fadiga dos que ouvem
De quem não diz nada
Histórias sem fim sobre amor e desejo
Que enfeitam verdades marcadas pelo tempo

Sofro a fadiga dos que viram a realidade
Humanos ligados ao próprio espelho
Vivendo vidas alheias
Escondendo sua face enrrugada

Sofro a fadiga de quem vê exposta a alma
Vejo humanos perfeitos escondidos atrás de uma fachada
Artistas, musicos, economistas..(istas) sedentos de aplausos
Almas estreitas e turvas, secas na solidão escancarada

Sofro a fadiga de pontos silenciosos
De rimas incorretas e versos incabados
Todos donos de verdades absolutas
Criando fantasias absurdas com a cara lavada

Sofro a fadiga da visão de
Criaturas apegadas a uma persona
Enganando outros com um persogem inacabado
Mulheres apegadas a suas máscaras

~Myriam Valentina~




2 comentários:

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Myriam
Realmente dá uma fadiga encontrar pessoas que se julgam superiores, donos da verdade. O ser, ainda precisa se aprimorar bastante para se tornar realmente humano.
Beijos

Crista disse...

Que esse mês de fevereiro te dê muita felicidade e um susto enoRRRRRRRRme!!!!
Um susto????Por que?????
É que eu desejo que teu blog seja escolhido o melhor blog do pedaço!!!!
Viu a responsabilidade que tens para comigo e para aqueles que te lêem????
Quem manda ser o MÁXIMO!!!!!!!
Carinhosamente...
Olhos azuis....azuis como a cor do céu!

Seguidores